DIU de cobre: saiba mais sobre sua eficácia e utilização

O Dispositivo Intrauterino (DIU) de cobre é, hoje, o método contraceptivo reversível mais utilizado no mundo: são 170 milhões contra as 110 milhões de usuárias da pílula anticoncepcional, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS).

De acordo com o Ministério da Saúde ele é um método prático e vantajoso, com destaque para o longo tempo de ação, que chega a 10 anos, o baixo índice de gravidez, a possibilidade de intervenção única para seu uso e poucos efeitos indesejados.

A eficácia do Dispositivo chega a 99,3%, e ele pode ser utilizado da adolescência à menopausa – mesmo que a mulher tenha passado por uma gestação e passado por uma cesariana. Ele também não interfere na produção e na qualidade do leite materno.

Ao contrário do que muitos acreditam, o DIU não é abortivo, já que age antes da fecundação do óvulo. Ele também não deixa a mulher infértil: caso a mulher queira engravidar, ela pode retirá-lo a qualquer momento.

Mesmo com sua implantação, a utilização da camisinha durante as relações sexuais é sempre recomendada para a prevenção de Infecções Sexualmente Transmissíveis.

Tipos de DIU

Além do DIU de cobre, há também disponíveis outros modelos, como o que possui progesterona e é feito de plástico. A indicação de uso deve ser feita sempre por um ginecologista.

Quer saber mais? Assista o vídeo produzido pelo Ministério da Saúde:

Fonte: Ministério da Saúde